Home Palestras

Palestras

Sebrae - K3 Produtora Criativa_0740

Dos diários da adolescência à criação de campanhas publicitárias, das perdas precoces ao sucesso na web, Cris Guerra é muitas em uma. Publicitária, escritora, colunista, palestrante. Fala de moda sem ser superficial, aborda as perdas sem ser melodramática, conta histórias pessoais como se falasse de cada um de nós.

Cris aprendeu a não se levar tão a sério e é assim que enfrenta a vida – mostrando que ser forte nada tem a ver com ser pesado ou beligerante. Sua força mora na delicadeza. Cris construiu a leveza e quer passá-la adiante. O olhar bem-humorado que permeia todo o seu trabalho é o grande trunfo para falar de questões fundamentais e fator decisivo para a absorção do conteúdo. O resultado é um discurso envolvente, que contagia a plateia com otimismo e alegria.

Em suas palestras, ela conta as experiências próprias que foi compartilhando com os milhares de leitores e ouvintes. Seja para superar um problema, descobrir novos caminhos ou para alterar positivamente a atuação em equipe dentro da empresa, os temas são abordados de forma a transformar a inércia em vontade de agir, deixando a plateia envolvida e com um sentimento de poder.

 

De mãe a muitas

“Não pense você que ao se tornar mãe uma mulher abandona todas as mulheres que já foi um dia. Bobagem. Ganha mais mulheres em si mesma. Com seus desejos aumentam sua audácia, sua garra, seus poderes. Se já era impossível, cuidado: ela vira muitas.”

A publicitária, escritora e colunista de moda tornou-se mãe em circunstâncias muito particulares: seu marido faleceu antes de o filho deles nascer, quando Cris estava no oitavo mês de gestação. A inesperada adversidade trouxe sofrimento, mas também crescimento e transformação. Ao se ver diante de dois sentimentos intensos, opostos e simultâneos, Cris fez da linguagem sua maior aliada. Não só a linguagem escrita, mas também a visual, que a levou ao seu encontro definitivo com a moda.

Relatando sua experiência de criar Francisco, Cris derruba mitos importantes associados à maternidade, mostrando principalmente a grande força gerada pelo nascimento de uma criança e pelas responsabilidades que crescem com ela. “Francisco fez nascer várias mulheres em mim. Sou hoje muito mais forte e empreendedora, capaz do que nunca imaginei. ”

A culpa materna é outro assunto que Cris aborda em suas apresentações, de modo a libertar as mulheres já tão escravizadas por seu perfeccionismo e autocobrança. “A culpa pode até tomar um café em casa comigo, mas não tenho um quarto de hóspedes pra ela”, diz a palestrante.

 

Moda e Autoestima

“Não há beleza que substitua o charme de carregar com classe as suas imperfeições.” (Cris Guerra)

A moda é tratada pela mídia de forma superficial, mas pode realizar transformações na vida de uma mulher e sua relação consigo mesma. Depois de vivenciar ela própria uma transformação em sua vida graças à sua relação com a moda, Cris quer passar adiante o seu aprendizado.

A palestra reflete sobre a importância de exercitar constantemente a autoestima, abordando o verdadeiro conceito dessa palavra fundamental na vida de todas as pessoas. A palestrante defende o quanto a autoestima influencia diretamente nosso dia a dia e desconstrói conceitos e paradigmas sobre o consumo e a moda, conduzindo os ouvintes a reflexões que vão muito além do “pode ou não pode usar”.

A moda é abordada como um viés de autoconhecimento — em lugar de escravizar, pode ser um caminho para a libertação e encontro verdadeiro consigo mesmo.

Por meio de exemplos e vivências, Cris apresenta o estilo pessoal como um caminho para traduzir sua forma de ser e imprimir o seu melhor na vida e no trabalho. Um reforço de identidade e segurança em todos os setores da vida.

Uma palestra indicada para todos os públicos, independente de sexo ou área de atuação.

 

Moda Intuitiva

“Uma peça de roupa não tem o poder de aumentar a nossa felicidade, mas nos oferece um outro ponto de vista sobre nós mesmos.” (Cris Guerra)

Tendo como base seu livro “Moda Intuitiva“, Cris desconstrói os manuais de moda para estimular cada um na plateia a descobrir e aperfeiçoar seu próprio estilo. Caminhando na direção contrária das tendências e obrigatoriedades, a palestrante indica um caminho revelador em que o vestuário é instrumento de libertação e felicidade.

O conteúdo foi construído através de décadas de vivências próprias, em que a palestrante usou a moda como grande aliada para enfrentar desafios e gostar mais de si mesma, base para o sucesso em cada nova circunstância da vida. A moda é abordada como um viés de autoconhecimento: em lugar de escravizar, pode ser um caminho para a libertação e encontro verdadeiro consigo mesmo.

A palestrante defende o quanto a autoestima influencia diretamente decisões e escolhas e desconstrói conceitos e paradigmas sobre o consumo e a moda, conduzindo ouvintes a reflexões que vão muito além do “pode ou não pode”.

 

Moda Intuitiva para Vendedores

“Às vezes você conquista um cliente pelo que não vende para ele”. (Cris Guerra)

Você vende roupas ou tendências? Tem compradores ou clientes? Com sua experiência em Marketing, seu senso de observação e sua experiência como consumidora de moda, a publicitária desmitifica o trabalho do vendedor, mostrando a diferença entre encará-lo como função ou como profissão. Em uma apresentação recheada de momentos divertidos, Cris apresenta uma lista de itens capazes de transformar compradores em clientes e vendedores em consultores de moda. Uma abordagem provocativa e instigante sobre oferecer o que cada cliente procura – o que vai muito além dos produtos.

 

A grande virada

“Nunca estamos preparados para o pior. Por outro lado, o pior pode ser o momento de finalmente conhecer aquilo de que somos capazes.” (Cris Guerra)

Com bom humor até para compartilhar momentos difíceis, Cris toca o público com a sua história de superação, levando os participantes a refletirem sobre as adversidades como oportunidades disfarçadas, que só se concretizam com mudanças cruciais de pontos de vista e formas de agir.

A palestrante traz novos paradigmas sobre os caminhos para a construção do amor próprio, refletindo sobre a necessidade de se conectar aos verdadeiros anseios, em vez de estar sempre com os olhos voltados para as expectativas dos outros. Ao falar sobre a importância do fracasso no aprendizado e no crescimento pessoal, mostrando que as crises podem ser excelentes motores, Cris mostra que temos, sim, escolhas diante delas. E convida a plateia a mudar seu ponto de vista, transformando os momentos difíceis em combustível para a grande virada.

 

O poder de ser de verdade

“Pior do que ter uma bolsa Chanel falsa é ser uma falsificação de si mesma” (Cris Guerra)

Um dos traços marcantes da personalidade de Cris Guerra é sua espontaneidade. Uma verdade que fica impressa em seus textos, fotos e colunas, que conquistam por serem genuínos. No mundo da web, em que universos construídos atraem milhões de pessoas e oferecem modelos de vida muitas vezes fictícios, ser de verdade é um atributo diferenciador.

Desvendando detalhes sobre o início de sua história no mundo digital, Cris fala dos posicionamentos e ações necessárias para se construir uma imagem sólida e de credibilidade, na web ou fora dela. Experiências e reflexões que ajudam outras pessoas a caminhar de forma mais assertiva e honesta – nas redes e nas ruas.

 

5 Comentários

Olhar – Cris Guerra 20/01/2017 de 10:00

[…] Palestras […]

Resposta
JOYCE CARLA DE OLIVEIRA 09/02/2017 de 17:10

Gostaria de saber mais sobre as palestras e se há alguma agendada para BH

Resposta
tatiana Tavares 04/03/2017 de 16:36

Cris… Vem pra Floripa!!! Adoraria estar presente em um palestra sua… Vem!!!

Resposta
Silvia 14/03/2017 de 16:02

Boa tarde, como saber sobre as palestras, de preferencia no Rio.

Resposta
Cris Guerra 16/03/2017 de 14:54

Sílvia, você quer contratar palestras ou ir a alguma palestra minha? Normalmente faço palestras para empresas – elas me contratam. Se quiser mais informações sobre contratação das minhas palestras, sugiro que você ligue para a http://www.dmtpalestras.com.br

Para saber minha agenda de palestras abertas ao público: normalmente elas são divulgadas nas minhas redes sociais, principalmente o Facebook. http://www.facebook.com/hojevouassim

Um beijo!

Resposta

Deixe um comentário